Por: Admin

Por: Admin

15 março, 2022 • 11:40

O conceito de gente e gestão coloca o RH como protagonista estratégico no desenvolvimento dos talentos para o bem da empresa e crescimento do negócio.

O maior bem de uma empresa é, sem dúvidas, o seu capital humano, pois as pessoas são imprescindíveis para conduzir os processos que envolvem os produtos e serviços. Por isso, cada vez mais a área de gente e gestão ganha força no escopo do RH.

Ao colocar os colaboradores no centro do negócio é importante dar a eles todo o suporte necessário para que aprimorem suas habilidades e competências. Nesse contexto, é papel do RH criar estratégias e mecanismos para desenvolver talentos de alta performance.

O objetivo deste post é apresentar a área de gente e gestão, o que faz e qual a sua importância para as empresas. Continue lendo para conhecer seus benefícios seguindo as 5 dicas de cuidados e boas práticas com os colaboradores!

O que é e o que faz a área de gente e gestão?

O RH é um departamento de muitas vertentes, subdivididas de acordo com o tipo de demanda relacionada aos colaboradores. No meio de subáreas como departamento pessoal, recrutamento, seleção e treinamentos, está o de gente e gestão.

Trata-se de uma área dedicada a cuidar do desenvolvimento dos talentos, levando em conta suas habilidades e competências. Com um acompanhamento preciso das atividades e funções, é possível mensurar melhor o que é preciso para aumentar a produtividade.

Você pode se perguntar se já não existia uma programação de treinamento e desenvolvimento dentro do RH. Com uma atuação mais estratégica, o RH se reinventou, e com ele surgiram novas estruturas como a de gente e gestão que, aos poucos, foi substituindo a gestão de recursos humanos.

Qual a importância do setor para a empresa?

O setor de gente e gestão é responsável pelo capital humano como um todo, investindo de modo maximizado e simultâneo no aprimoramento das hard e soft skills. Isso quer dizer que ter profissionais de alta performance é tão importante quanto garantir que eles estejam felizes e satisfeitos por trabalhar na empresa.

É esse viés que faz do gente e gestão uma área que vem ganhando destaque dentro e fora do ambiente corporativo. Os reflexos de suas ações são percebidos quando os resultados do negócio começam a se mostrar devido ao empenho do seu time de talentos.

Quais os benefícios dessa área?

A área de gente e gestão propõe um olhar mais apurado sobre os colaboradores, no intuito de identificar os pontos fortes e fracos. A partir de um acompanhamento mais próximo e aprofundado, as ações desenvolvidas são estratégicas para assegurar maior efetividade.

Com isso, os ganhos que a atuação de uma equipe especializada pode trazer para a empresa são notáveis. Veja alguns deles!

Desenvolve os colaboradores

A capacitação e o desenvolvimento contínuo dos talentos são atribuições do gente e gestão, que foca no reconhecimento dos esforços, buscando sempre ajudar a melhorar a performance individual e coletiva.

Dessa forma, os colaboradores se tornam protagonistas e não apenas coadjuvantes quando são colocados no centro do negócio. O senso de pertencimento aumenta à medida que se sentem valorizados e estimulados a crescerem junto com a empresa.

Melhora o clima organizacional

O RH, mais atuante e próximo dos setores, não descuida do ambiente de trabalho e realiza pesquisas regulares sobre o clima organizacional. Ao menor sinal de problemas capazes de interferir no bom andamento das atividades e bem-estardos talentos, as medidas são adotadas para melhorar e manter o clima saudável para todos.

Integra os times

Para funcionar, a área de gente e gestão precisa planejar a comunicação e padronizar a informação quando o assunto se referir ao desenvolvimento dos colaboradores.

Esse posicionamento integra e aproxima as equipes, uma vez que todos passam a ter mais interesse em melhorar a própria performance, sabendo que é possível contar com o suporte e apoio do RH.

Aproxima lideranças e equipes

Os programas de desenvolvimento contemplam os colaboradores de todas as hierarquias. Com isso, as lideranças também têm a oportunidade de melhorar aspectos importantes que ajudam no relacionamento diário, gerando maior proximidade e diálogo, já que exercem grande influência sobre suas equipes.

Quais as atribuições da área de gente e gestão? 5 dicas de cuidados essenciais

O RH é amplo e repleto de demandas, mas a essência da área de gente e gestão está em mapear todo e qualquer elemento que precisa de atenção quando o assunto é desenvolvimento e aprimoramento das habilidades técnicas e emocionais.

Selecionamos 5 dicas de conduta que não podem ficar de fora das funções dessa área tão relevante para o sucesso de um negócio!

1. Conheça bem os colaboradores

Cada profissional traz consigo características próprias no perfil pessoal e profissional, que podem ser usadas pela equipe de gente e gestão a favor do seu desenvolvimento. Enquanto uns são mais hábeis em análises, outros demonstram mais facilidade nas operações.

Conhecer bem o perfil de cada colaborador pode ajudar na hora de colocar as pessoas certas, nas funções certas. Sabendo o que cada profissional tem a oferecer e onde é possível explorar para desenvolver, a tendência é de melhorar continuamente até chegar no nível máximo de excelência.

2. Realize programas de bem-estar do colaborador

Embora a empresa almeje resultados e rentabilidade, é possível oferecer melhores condições de trabalho que priorizem a satisfação e o bem-estar. Colaboradores cansados, com sobrecarga de trabalho, se sentem desmotivados e pouco produtivos.

O RH deve cuidar da saúde mental e física, ou seja, melhorar a estrutura e o ambiente organizacional e incentivar a prática de atividades fora da empresa que sejam prazerosas e completamente diferentes da rotina de trabalho.

3. Fortaleça o clima organizacional

Falamos do benefício que a área de gente e gestão traz para o ambiente de trabalho, favorecendo o clima organizacional. Dentre os métodos utilizados para fazer um diagnóstico de como os colaboradores percebem a empresa está a pesquisa de clima.

Com ela será mais fácil compreender o que pode e deve ser melhorado para ir ao encontro de todas as premissas determinadas pela área de gente e gestão que colocam o colaborador como principal agente de transformação positiva da organização.

4. Acompanhe os indicadores de RH mais importantes

Diversos são os indicadores que auxiliam na mensuração do comportamento humano dentro das empresas.

Com um levantamento mais completo e numérico é possível interpretar e entender o cenário para tomar decisões mais assertivas com ações pontuais de melhoria, a fim de estabelecer uma relação de confiança, em que os colaboradores se sintam confortáveis para se expressar.

5. Foque no treinamento e desenvolvimento

Treinar e capacitar a equipe e a liderança — voltamos ao ponto chave do trabalho da área de gente e gestão. É primordial fazer uma abordagem completa e promover um desenvolvimento progressivo, que faça sentido para a carreira do colaborador envolvido, mantendo elevado seu nível de engajamento e motivação.

No final, tudo isso está atrelado à Jornada de Certificação e Ranking GPTW, já que um bom lugar para se trabalhar deve pensar no colaborador em totalidade. Com as ferramentas certas e os métodos específicos para cada tipo de demanda, a empresa pode transformar a área de gente e gestão em um forte aliado estratégico, preparado para ajudar a atingir os objetivos da organização.

Se você gostou deste post, entre agora mesmo em nosso site para conhecer as soluções do GTPW e como podemos ajudar sua empresa a ser referência e aumentar a visibilidade no mercado por meio do seu capital humano!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdos Relacionados

Assine a newsletter do GPTW

e fique por dentro das nossas novidades

Inscreva-se